ENTREGA GRÁTIS PARA TODO O SITE.NÃO PERCA!

Hegel Carl Schimitt O Politico Entre Especulação e a Positividade

2005 / 1ª

Mostrando todos os 2 resultados

  • Hegel Carl Schimitt O Politico Entre Especulação e a Positividade

    R$108,00 R$86,90

    O interesse despertado nos dias de hoje pelo pensamento de Carl Schmitt leva em conta, sobretudo, a doutrina do Estado de direito e as representações liberais que formam sua base. Sua adesão ao nacional-socialismo, consequência de sua reflexão teórica, provoca uma necessária discussão sobre seus argumentos. Para Jean-François Kervégan, o conforto com a filosofia de Hegel revela os limites de seu postulado decisionista, segundo o qual a ordem normativa do direito repousa sobre uma decisão irredutível a toda racionalidade. Por outro lado, esse confronto esclarece o significado profundo da filosofia política de Hegel e permite aplicá-la à atualidade.

    Comprar
    Quick View
  • O TRABALHO DIDATICO NA ESCOLA MODERNA

    R$46,00 R$25,00

    Nas comunidades primitivas, as crianças e os jovens aprendiam todas as atividades (coleta, caça, pesca, plantio etc.) ao seguir um adulto, que lhe serviria de modelo. Na Antiguidade, essa relação dava-se entre o mestre e seu discípulo — modelo educacional, que, inclusive, perdurou por muito tempo. As retomadas dos acontecimentos do passado são, portanto, essenciais para os professores da atualidade desenvolverem e saberem criticar sua(s) didática(s) em sala de aula. É por isso que Gilberto Luiz Alves escreveu o livro, lançado pela Editora Autores Associados, O trabalho didático na escola moderna.
    A obra apresenta o passado do trabalho didático de modo aprofundado. Analisa os estudos dos gregos e romanos e seus respectivos interesses de estudo (os heróis e valores fundamentais da cultura grega e latina, expressas nas tão estudadas Ilíada, Odisséia e Eneida), a escolástica da época medieval, inclusive ilustrada pelos diálogos filosóficos de Santo Agostinho e Adeodato e das instigantes conversas entre Pepino, filho de Carlos Magno, e seu mestre Alcino (A: O que é que é e não é? / P: O nada / A: E como pode ser e não ser? / P: É enquanto palavra; não é enquanto realidade), o modelo escolar de Abelardo e do período renascentista em geral (Erasmo de Rotterdam, o ensino jesuítico entre outros) até chegar no que mais dá origem à nossa escola moderna: um ensino não mais voltado para uma única pessoa, mas para o coletivo.
    Comenius, nesse sentido, com sua Didática Magna, atendeu muito bem o ideal da Contra-Reforma de expandir o catolicismo com uma “educação para todos”. Assim surge a escola moderna, já com as pretensões de atender a determinadas correntes, inclusive já do surgimento da organização burguesa. Por fim, Alves chega ao apogeu do livro mostrando os cuidados do professor quanto ao trabalho didático, pois a manipulação dos conteúdos a serem ensinados seguiu determinadas ideologias e isso é uma influência muito grande nos aprendizes, como mostra a nossa história.

    Comprar
    Quick View
X
preloader